Mesmo com votação suspensa, auditores fiscais mantêm mobilização

Mais de 100 trabalhadores farão corpo. 

Mais de 100 trabalhadores farão corpo a corpo com parlamentares na próxima semana em Brasília

Apesar da intervenção federal na Segurança Pública no Rio de Janeiro, que suspende no Congresso Nacional a votação de emendas à Constituição, auditores fiscais de todo o país vão manter mobilização contra a reforma da Previdência agendada para a próxima semana. Mais de 100 trabalhadores estão escalados para o corpo a corpo com os parlamentares na terça-feira (20) e na quarta-feira (21).

O movimento é encabeçado pela Fenafisco (Federação Nacional do Fisco Estadual e Distrital) e pela Anfip (Associação Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal do Brasil). “Mesmo com a retirada de pauta, vamos manter essa força-tarefa para que os parlamentares falem diretamente com suas bases e percebam a impopularidade dessa reforma, que só diminui direitos e não traz uma melhora efetiva para a Previdência”, afirma o diretor para assuntos parlamentares da Fenafisco, Pedro Lopes.

Fonte: Carta Capital

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

  • Últimas Notícias
Reforma trabalhista: seis mudanças que vão afetar a sua rotina

O presidente Michel Temer sancionou, na semana passada, o pro

Governo devolverá créditos do Nota Legal

O governo devolverá o valor pago a mais por quem recebeu o IPV

Paim espera aprovar em 2019 novo Estatuto do Trabalho

O senador Paulo Paim (PT-RS) prometeu para 1º de maio de 201

Comentários