Você já recebeu uma correspondência em casa enviada por algum deputado distrital?

Você já recebeu uma correspondência em casa enviada por algum deputado distrital? Alguém está sendo destinatário de muitas cartas que partiram da Câmara Legislativa. Milhões, na verdade. Os parlamentares gastaram R$ 6.123.865,43 com os Correios nos últimos dois anos, segundo dados do Portal da Transparência da Câmara. Com esse montante, é possível despachar 5,3 milhões de cartas simples. Dá uma média de 220 mil por mês.

 

A despesa é totalmente sem sentido, considerando-se que hoje 90% dos moradores do Distrito Federal têm telefone celular, de acordo com o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) e as mensagens pela internet são muito mais fáceis e rápidas. Em 2015, o custo da Câmara com correspondência foi de R$ 2,9 milhões. No ano passado, subiu um pouco: atingiu R$ 3,1 milhões. O Portal da Transparência não disponibiliza os dados por deputado.

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

  • Últimas Notícias
Base de Rollemberg na CLDF tenta votar projetos

 O clima esquentou na reunião do Colégio de Líderes da Câm

Rever tributação sobre consumo é prioridade

O secretário-executivo do Ministério da Fazenda, Eduardo Gu

Comentários