Um princípio de incêndio atingiu uma das salas localizada no subsolo do prédio da Superintendência da Polícia
Um princípio de incêndio atingiu uma das salas localizada no subsolo do prédio da Superintendência da Polícia Federal (PF), em Curitiba (PR). De acordo com a PF, o Corpo de Bombeiros chegou a ser acionado, mas quando chegou ao local, o fogo já havia sido controlado por funcionários do local.
 
A corporação informa ainda que não houve qualquer prejuízo aos custodiados no local, bem como aos trabalhos relativos à Operação Lava-Jato. Peritos da PF já trabalham para levantar as causas do incidente. No local, não haverá expediente hoje.
 
A sede da Polícia Federal em Curitiba é um dos principais centros de comando da Operação Lava-Jato e onde estão presos executivos como Marcelo Odebrecht, presidente e herdeiro do grupo que leva o seu nome, e Pedro Corrêa, ex-deputado federal. No local, costumam ficar os investigados que fecharam ou que negociam acordos de delação premiada.
 
Leia a íntegra da nota da Polícia Federal:
 
Nota à imprensa 
 
A Polícia Federal informa que nesta madrugada(20/02) houve um princípio de incêndio numa das salas do subsolo da Superintendência da PF em Curitiba-PR. 
Ressaltamos que o início de fogo foi controlado rapidamente, que não houve qualquer prejuízo aos custodiados, assim como aos trabalhos relativos à Operação Lava Jato. 
Peritos da PF já trabalham para levantar as causas e em virtude disso não haverá expediente no dia de hoje.
 
Comunicação Social da Polícia Federal em Curitiba / PR

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

  • Últimas Notícias
Brasil tem maior concentração de renda do mundo

Pesquisa comparativa liderada por Thomas Piketty aponta. 

Pesquisadores criticam dados do governo

Pesquisadores criticaram, em audiência pública da CPI da Pr

Unidades da Sefaz Ceará fecham em adesão à Greve Geral

Em solidariedade aos trabalhadores de todo o país, os fazend

Comentários